Navigation Menu+

Trans[...]

Posted by

Claudio2_thum2


não tenho medo de ser quem sou
temo não ser ninguém
[embora] tudo e todos esqueçamos
ninguém é mote perpétuo

pau na lei da conservação

quem foi meu tataravô?
o que comia a empregada de meu tio ancestral?
lembramos de colonizadores
descobridores catalogados    [...]
eu nada descubro
nem sei navegar
e mesmo se sair num catálogo            quem lê?
talvez deva temer não viver
direito
meu esquecimento

o fim da [minha] informação

[não]
você que me ouve
[não]
me conhece
[não]
divide um copo comigo
[não]
sabe a dor
[não]
está na sola dos meus pés
[não]
sou cantor
[não]
sei afinar o sideral
[não]
expando a bolha
[não]
te abraço
[não]
sou você
[não]
serei

ninguém

dados

há na indecência
da cadência
desse som    [transmissão]
o óbvio
o binário
o muro no fim
do buraco
[o] negro